segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Calendário Futsal

Calendário 1ª/ 8ª Jornada – 31 de Outubro/30 de Janeiro C. P. Ferro - Cecurde Carvalhal Formoso U.D. Cariense - Sp. Clube da Covilhã G.D.V. Sernache - ACD Ladoeiro ADR Retaxo - AC Alcaria 2ª / 9ª Jornada – 7 de Novembro/6 de Fevereiro Cecurde Carvalhal Formoso - ADR Retaxo Sp. Clube da Covilhã - C. P. Ferro ACD Ladoeiro - U.D. Cariense AC Alcaria - G.D.V. Sernache 3ª / 10ª– 21 de Novembro/20 de Fevereiro Cecurde Carvalhal Formoso - Sp. Clube da Covilhã C. P. Ferro - ACD Ladoeiro U.D. Cariense - AC Alcaria ADR Retaxo - G.D.V. Sernache 4ª / 11ª – 28 de Novembro/6 de Março Sp. Clube da Covilhã - ADR Retaxo ACD Ladoeiro - Cecurde Carvalhal Formoso AC Alcaria - C. P. Ferro G.D.V. Sernache - U.D. Cariense 5ª / 12ª – 12 de Dezembro/13 de Março Sp. Clube da Covilhã - ACD Ladoeiro Cecurde Carvalhal Formoso - AC Alcaria C. P. Ferro - G.D.V. Sernache ADR Retaxo - U.D. Cariense 6ª / 13ª – 19 de Dezembro/20 de Março ADR Retaxo - ACD Ladoeiro AC Alcaria - Sp. Clube da Covilhã G.D.V. Sernache - Cecurde Carvalhal Formoso U.D. Cariense - C. P. Ferro 7ª / 14ª – 16 de Janeiro/27 de Março ACD Ladoeiro - AC Alcaria Sp. Clube da Covilhã - G.D.V. Sernache Cecurde Carvalhal Formoso - U.D. Cariense C. P. Ferro - ADR Retaxo
Pede-se a quem quiser e puder enviar fotos ou comentários sobre os jogos que vão ocorrendo acerca do G.D.V.S. o Favor de enviar para GDVSERNACHE@SAPO.PT ou GDVSERNACHE@MAIL.COM

1ª Jornada Juniores

Este Fim de Semana iniçiou-se o campeonato de Juniores. A equipa do G.D.V.S. composta por muitos juvenis recebeu e perdeu com a equipa da Estação por 7-0. Continuamos a espera que mais atletas para os juniores apareçam.
Este fim de semana a deslocação será a Idanha a Nova para jogo que se disputará ás 14 Horas.

1ª Jornada Juvenis

Iniçiou-se este fim semana o Campeonato Distrital de Juvenis. A equipa do G.D.V.S. deslocou-se a Oleiros e Venceu por 3-0. A equipa treinada por Vitor Serrano iniçiou da melhor maneira a sua participação no campeonato. A equipa do GDVS demonstrou em diversos momentos do jogo a sua organização, e qualidade que existe neste escalão.
No próximo Domingo pelas 11 horas da manhã recebe em Cernache do Bonjardim a equipa do Valongo.

Fotos 1ª jornada Infantis

1ª Jornada Infantis

Este fim de semana o GDVS estreou um novo escalão a participar nos campeonatos distritais de Castelo Branco.
Novo no clube, os Infantis iniçiaram este sábado o campeonato contra o valongo. Perderam por 5-2 mas foi bonito ver os meninos a competir e a mostrar que daqui a poucos jogos estarão muito melhor, mas nesta fase os resultados serão sempre o menos importante.
Para tudo existe sempre uma primeira vez e os nossos meninos sentiram isso mesmo no campo.
Cedo chegaram ao estádio e bastante felizes notava-se o nervoso miudinho na face, aquele que até nós sentimos ao vê-los assim.
Chegados ao balneário ficaram boquiabertos com o equipamento novo e entre as palavras do Pdro e Toni lá se foram equipando pedindo aqui e ali uma ajuda, nos calções, no atar das botas etc.
Equipados a rigor veio o arbitro fazer a chamada e logo ali a tensão aumentou, o corpo esfriou e só passados alguns minutos no campo a tensão amainou.
O jogo começou e o nervoso era ainda algum, os pais de fora do varão e utras pessoas fizeram-nos cumprir um sonho. Primeiro minuto, primeiro golo sofrido, mas nada de desânimo, pois a partir daqui até começámos a fazer coisas bonitas mas o adversário estava melhor e nao foi de estranhar que ao intervalo com os vários erros que cometemos o resultado estivesse em 0-3.
Logo no recomeço marcámos e foi imensa a alegria no peladão, mas iria ainda ser maior quando pouco tempo depois reduzimos para um golo.
Do outro lado adversário com muito valor e com alguns anitos disto acabou por já no terminus do jogo marcar e vencer com justiça.
Para todos estes miúdos foi o primeiro jogo ofiçial das suas ainda curtas carreiras, mas ficou a certeza que estes e os outros que fazem parte do grupo mas que não puderam participar desta vez, que não será facilmente esquecido.
No próximo fim de semana vai ser a nossa vez de folgar e na terceira jornada van«mos até Castelo Branco defrontar o Desportivo.

4ª Jornada

Mais uma jornada com três goleadas, desta feita com os vencedores a marcar quatro golos cada, o Águias do Moradal em Vila de Rei, o Teixosense ao Unhais da Serra e o Valverde à Lardosa. O tão aguardado derby do concelho do Fundão frustrou aqueles que imaginavam que este seria um jogo diferente dos outros. Não. Este foi igual a muitos outros e, a haver frustração só mesmo por não ter havido golos. O jogo entre Desportiva do Fundão e Atalaia do Campo esteve envolto numa triste situação, ocorrida de véspera. Gabriel Mariano, que durante muito anos serviu a Desportiva do Fundão, como seu dirigente muito empenhado, e pai do actual técnico da Atalaia do Campo, Joca, deixou-nos, após prolongada doença. No preciso momento que se jogava esta partida estavam a decorrer as cerimónias fúnebres. Em memória de Gabriel Mariano, foi assinalado um minuto de silêncio, que todos respeitaram. A partida começou por ser dividida, com as duas equipas empenhadas em controlarem as operações a meio campo. Esta postura táctica resultava, obviamente, na falta de soluções para que o jogo se resolvesse junto das áreas. Foi certamente por esse motivo que no final da contenda não foram contabilizados golos para qualquer das equipas, no entanto, pelos relatos que nos chegaram a Atalaia este bem mais próximo de conseguir o golo. Foi mais ofensiva, na segunda parte, teve mais controlo do jogo e chegou a introduzir a bola na baliza fundanense, num lance que Márcio Lopes terá considerado de forma irregular. Os analistas presentes não tiveram a mesma opinião. Em suma, este jogo foi ultrapassado sem que os dois conjuntos perdessem os objectivos classificativos. No outro jogo que se antevia de muito complicado, a equipa do Pedrógão foi a Cernache do Bom Jardim surpreender a formação do Vitória. A turma do concelho de Penamacor conseguiu ainda na primeira parte adiantar-se no marcador, aguentou a natural pressão da equipa de Simões Gapo e, na segunda, Fábio Portugal, com a obtenção do segundo golo, arrumou a questão a favor dos comandados de Xana. Tratando-se de uma partida que era de grau de dificuldade muito elevada, a equipa de Pedrógão de S. Pedro deu um passo muito importante nos seus objectivos, já o Vitória terá saboreado neste encontro o veneno com que se desenvencilhou da partida em Atalaia do Campo, oito dias antes, onde venceu pelos mesmos números. Em Oleiros a equipa da casa começou forte, chegou com alguma facilidade ao 2-0, mas depois de ter obtido este resultado ter-se-à acomodado. O cómodo foi de tal modo que o Proença teve as condições necessárias para chegar à igualdade. Foi já em período de descontos que a equipa de José Ramalho conseguiu obter o golo que lhe permitiu somar os três pontos. Foi um aviso que os atletas de Oleiros não vão querer que se repita no campeonato. O Teixoso, depois da goleada que sofreu na semana passada no Estreito não podia esperar um adversário melhor para se recompor. A vitima foi o Unhais da Serra. Os jovens serranos uma vez mais não tiveram argumentos para se oporem a este adversário. Desta feita a goleada sofrida foi de 4-0 e após quatro jogos o Unhais já sofreu 22 golos, contra apenas dois marcados o que por si só dá bem a ideia de como esta equipa foi preparada para disputar o distrital. Obviamente que as indecisões tardias pagam-se caro. O Unhais decidiu-se tarde em participar no campeonato e depois já não conseguiu encontrar os atletas que pudessem dar mais força e maturidade à equipa. Quem disso não teve culpa foi o Teixosense que nesta partida conseguiu marcar quatro golos e somar a sua terceira vitória no campeonato. Em Vila de Rei esperava-se mais da equipa do Vilarregense. É bem certo que o adversário era e é poderoso, no entanto, perante o seu público era expectável que não deixassem que o Águias do Moradal ali chegasse, se impusesse e acaba-se por obter uma goleada. Á distância, a leitura que se pode fazer só pode ser uma: a equipa de António Belo está muitíssimo forte, nas quatro partida realizadas terminou três com goleada ( 7-1 ao Unhais, 4-0 ao Teixoso e novamente 4-0 ao Vilarregense) sendo por isso a equipa mais concretizadora do campeonato, com 16 golos obtidos. É obra ! Em Valverde aconteceu, também goleada. A equipa de Micas venceu por 4-1 e o que se pode dizer é que o resultado traduz exactamente a diferença de valores entre os dois conjuntos. O Valverde entrou forte, conseguiu chegar ao 2-0, mas depois adormeceu à sombra dos golos obtidos, originando, por via disso, uma reacção da Lardosa, que teve oportunidade para marcar o tento de honra. O aviso foi bem entendido pelos homens da casa que depressa se recompuseram e marcaram mais dois golos, concluído com um justo 4-1, numa partida muito mal jogada por ambos os contendores. Na frente do campeonato ficou agora isolada a equipa fundanense da Desportiva, com 10 pontos, seguida de um trio composto por Moradal, Teixosense e V. Sernache, com 9 pontos, Pedrógão tem 8 e Atalaia e Valverde, seguem na 6ª posição com 7 pontos.
In RCB
Loading...