domingo, 19 de outubro de 2008

5ª Jornada

Os resultados desta quinta jornada vieram relançar um campeonato que começava a ficar desajustado, tal a superioridade que o Alcains evidenciou nas quatro primeiras jornadas. O valverde travou o andamento vitorioso do CDA e contribuiu, desse modo, para relançar o campeonato, que agora se passou a chamar de: Liga “ Piornos “. Foi certamente uma surpresa para muita gente o resultado final da partida que se disputou em Valverde. Ali jogava o líder, que pela primeira vez tinha que se desenvencilhar do adversário e de um terreno de jogo bem diferente daqueles onde tinha conquistados os doze pontos. Jogar em Pelado é, provavelmente, um grande desdém para os jogadores que compõem o plantel do Alcains. A equipa de Micas foi bafejada pela sorte por ter conseguido, logo no minuto inaugural, ganhar vantagem no marcador, com um golo apontado por Flávio. É óbvio que assiste mérito à equipa do Valverde, todavia, tem que se reconhecer que, nesta altura ainda ninguém pode merecer ter vantagem sobre ninguém. A ganhar por 1-0, a equipa de Micas geriu o jogo e resultado, que viria a sofrer alteração ao minuto 43, através da marcação de uma grande penalidade que Vieira não desperdiçou , colocando o resultado numa igualdade. Na segunda parte, apesar do Alcains ter feito tudo para inverter a tendência do resultado, o facto é que foi o Valverde, aos 62’, através de Daniel Alves que chegaria ao tento que acabou por ser decisivo, fazendo o 2-1. No Teixoso jogou-se uma partida de grandes emoções, nem sempre bem jogada, mas aqui e ali com lances de recorte técnico muito razoáveis. A partida foi dividida, sem grande superioridade de uma sobre a outra equipa e com o resultado a ser conquistado por pequenos detalhes A equipa fundanense venceu por 2-0, com golos de João Lisboa, aos 47’ e de Rui Paulo aos 76, mas o Teixosense, pelo que faz, merecia pelo menos o tento de honra. Em Pedrogão de S. Pedro a equipa de Xana, depois de um mau jogo na Lardosa, apesar de ter vencido, derrotou esta tarde uma das boas equipas deste distrital. A equipa de Pedrogão derrotou o Vilarregense por 2-0, com dois golos do veterano Horácio, apontados aos 21 e 61 minutos, uma vitória que colocou a equipa do concelho de Penamacor entre os quatro primeiros da tabela geral. Em Cernache do Bom Jardim, a equipa de António Joaquim está a fazer um inicio de campeonato muito aquém das expectativas. É certo que ainda vamos ter muito campeonato pela frente, mas a forma como a equipa está a desperdiçar pontos, principalmente nos jogos em sua casa, são para preocupar, quer técnico, quer os jogadores, para não falarmos da massa associativa. No jogo desta tarde o Sernache começou por se adiantar no marcador, por intermédio de Licas, aos 12 minutos. Seria um bom tónico para os restantes minutos da partida se a equipa conseguisse desenvencilhar-se dos fantasmas que a perseguem e que não a ajudam a obter resultados em consonância que o futebol praticado. Quem acabou por ter a força mental para que outro desaire não lhe acontecesse, como à oito dias, foi o Oleiros. A equipa de João Paulo acreditou que podia fazer mais e melhor e vai de procurar o empate. Porfiou e alcançou. Foi por intermédio de Castanheira que o Oleiros obteve o que procurou, arrebatando, dessa forma, um ponto em casa de uma das equipas mais fortes do campeonato e onde vai ser difícil a qualquer outra conquistar pontos. No Estreito a equipa de António Belo teve o pássaro na mão por duas vezes e em ambas o deixou fugir. Colocou-se a vencer aos 20 minutos, consentiu o empate ainda no decorrer da primeira parte, voltou a ter vantagem, por 2-1, mas nos minutos finais consentiu o empate a dois tentos. Não sabemos se o que se passou nas quatro linhas corresponde ao resultado, contudo, não deixa de ser um prémio para a equipa de Proença que soube acreditar até final. Na Lardosa a equipa da casa parecia que estava no campeonato para fazer melhor que nas últimas épocas mas, perante os resultados das últimas partidas, torna-se difícil perspectivar que tal aconteça. Neste jogo entre vizinhos, venceu a equipa que veio de Escalos de Cima. A equipa de Paulo Macedo somou os primeiros pontos do campeonato, ao derrotar a equipa da casa por 2-0, com os golos a terem a assinatura de Paulinho e Crânio. Com os resultados desta tarde, numa jornada em que os clubes que ocupavam as quatro primeiras posições não venceram, o Alcains mantém a liderança, com 12 pontos, seguido de Águias do Moradal, com 11 pontos. Pedrogão e Valverde partilham a 3ª posição e depois aparece um quarteto, com sete pontos constituido por Proença, Vilarregense, Fundão, e Teixosense. Digamos que foi uma jornada que relançou o campeonato. Na próxima semana o Alcains recebe o Águias do Moradal, naquele que será o jogo mais importante da jornada. Destaque ainda para os jogos. Fundão – Valverde, Oleiros Teixosense e Vilarregense – V. Sernache

IN

Rádio Cova da Beira

Loading...